[ editar artigo]

Como identificar as oportunidades de Linhas Financeiras na sua carteira?

Como identificar as oportunidades de Linhas Financeiras na sua carteira?

 

Corretor (a),

Bom Dia! Carol Novaes aqui, tudo bem com você? Eu não sei você viu, mas ontem rolou uma LIVE super legal no meu Instagram sobre como identificar as oportunidades de Linhas Financeiras na sua carteira! Mas se você perdeu e é membro da Comunidade Tutum, não se preocupe! Segue a gravação aqui em primeira mão, bem como um resumo de tudo o que rolou:

https://youtu.be/Qmx8o8Il5TY

 

Sei que sou suspeita pra falar, mas o mercado de Linhas Financeiras oferece oportunidades gigantescas e ainda inexploradas pelos Corretores.

Sejamos sinceros: é muito mais comum encontrar Corretores que atuam com empresarial, saúde, auto e etc, do que com Linhas Financeiras (D&O, E&O e Cyber) e isso por si só já é um diferencial. Atuar BEM então, nem se fala.. Costumo dizer que é o primeiro passo para transformar a sua Corretora em uma Boutique de Seguros. Sem falar na remuneração e no fato de quase não ter concorrência nestes ramos. São, portanto, na minha opinião, os melhores ramos para o Corretor focar atualmente. E isso é matemática.. Não sou só eu que estou dizendo 😉

  • D&O – Crescimento de 53% no 1º semestre
  • E&O – Crescimento de 16% no 1º semestre
  • Cyber – Crescimento de 240% no 1º semestre

 

E a sua Corretora? Faz parte desse crescimento? Se a sua resposta for NÃO, tem alguma coisa errada aí.. Mas não se preocupa! O material e LIVE de hoje são exatamente pra te ajudar com isso!  Já pega o caderno e anota aí essas dicas sobre como começar em cada um desses Ramos:

 

D&O (Directors & Officers)

  1. O que é: É um seguro de Responsabilidade Civil contratado pela empresa (CNPJ), que cobre reclamações decorrentes de atos de gestão que recaiam contra os gestores (Diretores, gerentes, conselheiros e etc) na pessoa física (CPF).
  2. Pra que tipo de Cliente: Qualquer empresa que tenha gestores e fature a partir de R$ 1MM por ano.
  3. Pra que tipo de Corretor: Qualquer corretor que trabalhe com clientes empresariais (Em qualquer ramo) e queira se aproximar dos tomadores de decisão de seus clientes e prospects bem como abrir uma nova frente de renda.
  4. Como começar neste Ramo: O primeiro passo é mapear esses possíveis prospects, seja na sua carteira atual (Costuma funcionar MT bem para o Cross-Sell) bem como novos clientes a quem serão oferecidos essa incrível solução. Mapeie os clientes e comece explicando o risco, que neste caso é basicamente a legislação brasileira! Dê exemplos reais e faça o cliente se imaginar sofrendo uma penhora online, tenha em mãos um material comercial de prospecção da sua própria Corretora para iniciar esse mutirão de consultoria de risco.

 

E&O (Responsabilidade Civil Profissional – E&O)

  1. O que é: É um seguro de Responsabilidade Civil que pode ser contratado tanto pela empresa (CNPJ) como pelo profissional (CPF) e cobre as reclamações de terceiros decorrentes de falhas profissionais (Erros e Omissões).
  2. Pra que tipo de Cliente: O seguro E&O é aplicável a profissões regulamentadas e profissões que tenham o risco de falha “intelectual” como por exemplo: médicos, advogados, engenheiros, arquitetos, contadores, corretores de seguro e etc.
  3. Pra que tipo de Corretor: Para qualquer Corretor, literalmente, que conheça pelo menos um médico, advogado, engenheiro, contador e etc. Lembrando que é um seguro que pode ser contratado tanto pela empresa (CNPJ), como pela pessoa física (CPF), o que abre uma excelente porta pra Cross-Sell inclusive com as carteiras de Auto e Vida, por exemplo.
  4. Como começar neste Ramo: Mapeie os clientes conforme orientação acima (Lembrando que NÃO é um seguro aplicável a todas as atividades) e comece explicando o risco! Neste caso, o risco do médico por exemplo é diferente do advogado! Leve casos reais, tenha em mãos um material de prospecção da sua Corretora, específico a atividade do cliente.

 

Cyber (Riscos Cibernéticos)

  1. O que é: É um seguro de Responsabilidade Civil que cobre reclamações decorrentes de vazamento de dados, mas também oferece diversas coberturas para o próprio Segurado (De primeira parte).
  2. Pra que tipo de Cliente: Absolutamente toda empresa infelizmente corre o risco de sofrer ataques cibernéticos ou situações que levem a vazamento de dados. O mercado aceita empresas com faturamento a partir de R$1MM (Outras particularidades foram explicadas na LIVE)
  3. Pra que tipo de Corretor: Pro Corretor que quer realmente se diferenciar dos demais e navegar no verdadeiro oceano azul do mercado segurador.
  4. Como começar neste Ramo: Comece mapeando as empresas de sua base ou até mesmo as que pretende atender com essa estratégia (Sugiro assistir a LIVE antes disso) e explique o risco, que neste caso são basicamente os ataques cibernéticos e a nova legislação (LGPD). Leve casos reais e tenha em mãos um material de prospecção da sua Corretora

 

Por fim, lembre que estes seguros além de uma nova fonte de renda, são verdadeiras ferramentas comerciais e de crescimento para a sua Corretora! Além de serem soluções ESSENCIAIS aos clientes e que cabe a você, enquanto consultor de risco, orientá-los sobre as soluções disponíveis no mercado segurador..

 

Dica Final: MAASS, precisa conhecer do produto! Este tipo de prospecção é pra todo Corretor (a), sim! Mas precisa estar disposto a se dedicar a entender as particularidades de cada um desses mercados para garantir o sucesso na área e PRINCIPALMENTE não se comprometer, vendendo “gato por lebre”. Combinado?

Corretor (a), espero que tenha gostado das dicas de hoje e se quiser minha ajuda com essas prospecções, fica de olho que mais tarde tem novidade por aqui 😉

Conta comigo e vamos juntos!

Carol Novaes

 

TUTUM
Carolina Novaes
Carolina Novaes Seguir

Carolina Novaes é especialista em D&O, E&O, Cyber e Seguro Garantia. Possui 15 anos de experiência no mercado segurador e oferece serviços de consultoria e especialização para Corretores de Seguro.

Ler conteúdo completo
Indicados para você